Como agregar valor ao seu serviço?

O conceito de venda com valor agregado é popular há vários anos. O problema real, porém, é que no mercado atual, onde tantos produtos e serviços competem por clientes cada vez mais saturados e a capacidade de agregar valor ao seu produto ou serviço é uma necessidade absoluta.

Não há dúvida de que, na ausência de componentes de valor agregado, o preço de qualquer produto ou serviço pode ser reduzido ao máximo. Entretanto, se  você está vendendo apenas o preço, você nunca será capaz de alcançar vendas de alta margem – e é aí que residem a lucratividade, o crescimento a longo prazo e o sucesso de vendas.

Por isso, como agregar valor ao seu serviço? É isso que queremos te ajudar a descobrir! Entenda mais logo abaixo.

O que significa agregar valor?

Agregar valor significa oferecer um serviço competitivo, isto é, com custos e benefícios capazes de desbancar ou, no mínimo, competir os oferecidos pela concorrência.

Nesse sentido, para ter sucesso, um produto ou serviço deve ter valor por si só, afinal no mercado de hoje pode haver várias empresas oferecendo o mesmo produto ou serviço com o mesmo valor de referência – é por isso que os prestadores de serviço adotam benefícios de valor agregado!

Valor agregado é o valor adicional que seu produto ou serviço possui acima da linha de base como uma forma de diferenciar sua empresa para além da embalagem.

Se você puder agregar valor, mesmo que seu preço seja um pouco mais alto, o cliente em potencial desejará comprar de você, uma vez que você traz mais para a mesa.

Essa análise é baseada na ideia de que todos os consumidores vêem as compras a partir de uma análise de custo x benefício. O benefício é igual ou superior ao custo? Parte disso é subjetivo, já que dferentes consumidores têm diferentes definições de benefício.

Com isso sendo levado em consideração, é importante certificar-se de que o valor que você está agregando seja considerado benéfico por seus clientes em potencial.

Quais cuidados preciso tomar para agregar valor?

Os cuidados que você deve tomar na busca por agregar valor ao seu serviço são os mesmos que qualquer outra decisão estratégica necessitam: definição de estratégia, alinhamento com os interesses do seu público-alvo e contabilização de custos.

Evite atirar para todos os lados; definir sua estratégia é a melhor opção. Para isso, investir no Marketing Digital pode ajudar a identificar o que as pessoas que consomem o seu serviço realmente desejam e precisam – seja por meio de uma pesquisa com sua base de clientes, visando alinhamento de interesses, ou a partir da análise do que eles mais consomem.

Além disso, todos os custos devem ser contabilizados previamente, até mesmo uma margem de erro para imprevistos, visando evitar perdas de dinheiro.

Desta forma, você garante o sucesso da sua estratégia, pelo valor do serviço ou pelo produto que o cliente realmente deseja.

Como agregar valor ao meu serviço?

Com base no que dissemos anteriormente, separamos algumas dicas de como agregar valor ao seu serviço.

É importante ressaltar que nenhum método é milagroso, mas eles podem alavancar seu negócio se forem bem executados.

  • Entregue um serviço no menor prazo possível

A primeira maneira de agregar valor é simplesmente aumentar a velocidade de entrega do serviço que você vende por um preço que as pessoas estão dispostas a pagar.

Todas as pessoas que trabalham vendendo algo, seja produto ou serviço, sabem que o mundo hoje é impaciente.

Uma pessoa que não percebeu que queria seu produto ou serviço até hoje, agora quer tê-lo, de preferência para ontem. As pessoas percebem uma correlação direta entre a velocidade e o valor de sua oferta.

Uma pessoa que pode fazer isso rapidamente é considerada uma pessoa melhor e competente, oferecendo um nível mais alto de qualidade do que uma pessoa que o faz devagar ou sempre que precisa. Para isso, a dica é poupar tempo com o desnecessário – ou, no mínimo, otimizar sua produtividade.

  • Ofereça mais qualidade

Okay, você consegue entregar um serviço em tempo hábil, mas consegue fazer isso com qualidade? Se não consegue ainda, é bom que trate de conseguir, de preferência pelo mesmo preço de sempre.

E lembre-se: qualidade é tudo o que o cliente diz que é. O gerenciamento da qualidade total pode ser melhor definido como a habilidade de descobrir o que seu cliente deseja e dar a ele mais rápido do que seus concorrente.

Qualidade não significa apenas maior durabilidade ou excelência em design; qualidade refere-se, antes de tudo, à utilidade e à necessidade específica do cliente, ou seja, refere-se ao benefício que o cliente busca.

Empenhe-se em entregar isso e verá a busca crescer.

  • Dê mais do que o mercado requisita

Se todos estiverem oferecendo a mesma coisa, esse serviço passa a ser o mínimo básico, ou a norma esperada no mercado.

Se você quer se destacar como pessoa ou como produtor, você deve adicionar pequenas recompensas a tudo o que está fazendo para que seu cliente perceba que você e sua oferta são superiores às de seus concorrentes. Além disso, isso fará com que ele se reconheça no seu produto, o que o tornará, de alguma forma, fiel ao seu serviço.

Você pode agregar valor a um produto ou serviço melhorando a embalagem, seu design, simplificando seu método de uso, oferecendo brindes ou bonificações… os mínimos detalhes contam.

  • Melhore o atendimento ao cliente

As pessoas são predominantemente emocionais, o que significa que elas são muito afetadas pela cordialidade, simpatia, alegria e disponibilidade dos representantes de atendimento ao cliente.

Muitas empresas estão usando o atendimento ao cliente como principal fonte de vantagem competitiva em um mercado em constante mudança e, se você deseja acompanhar esse crescimento, deve surfar na onda de humanização de processos.

  • Conheça o público que você está tentando conquistar

Há algumas décadas atrás, as pessoas valorizavam ter bens materiais que pudessem ser ostentados para os outros ao seu redor, enquanto nos dias de hoje há uma tendência mais introspectiva de tornar o ambiente doméstico mais agradável.

O exemplo acima mostra como os gostos das pessoas são mutáveis e podem se expressar de maneiras muito diferentes com o passar das gerações.

Se você está vendendo um serviço, tem que saber para qual público ele é atraente. Se você está deixando de atrair clientes em potencial, talvez seu marketing esteja inadequado para a geração que você está tentando persuadir.

Gostou? Então compartilhe para que mais pessoas aprendam como agregar valor aos seus serviços!