Carisma: o que é e como ser mais carismático?

Quando chegamos em algum lugar novo, quase sempre conseguimos identificar quem é o líder do local, aquele que domina a atenção dos outros provocando risos e fazendo com que todos se sintam à vontade, inspirados e motivados em sua presença. Embora algumas pessoas possam justificar essa situação a partir do cargo que aquela pessoa ocupa, isso por si só não explica a resposta brilhante que evocam nos outros.

Influenciadores como esses têm uma qualidade invejável: carisma. Alguns parecem ter nascido com ele. Mas o carisma pode ser aprendido? A simpatia pode ser desenvolvida através da prática intencional? Bem, sim, e é nisso que a gente pretende te ajudar!

O que é carisma?

Carisma é a qualidade de ser capaz de atrair, encantar e influenciar as pessoas ao seu redor. Geralmente é fácil identificar quando alguém é carismático. No entanto, muitas vezes é muito mais difícil dizer exatamente quais habilidades ou qualidades essas pessoas têm que outras pessoas menos carismáticas não têm.

Para tornar as coisas mais complicadas, existem diferentes tipos de pessoas carismáticas. Alguns podem ser mais quietos, talvez confiando mais em seu charme pessoal do que em suas palavras para influenciar os outros, enquanto utros são comunicadores apaixonados, varrendo a todos com seu entusiasmo.

Embora possa parecer uma qualidade vinda desde o berço, em última análise, o carisma é nada mais, nada menos, que o resultado de uma excelente comunicação e ótima combinação de habilidades interpessoais. Assim, como já dissemos, é possível desenvolver e melhorar o seu carisma.

Quantificando o carisma

Em 2018, os pesquisadores K. O. Tskhay, R. Zhu, C. Zou e N. O. Rule publicaram no Journal of Personality and Social Psychology uma pesquisa sobre carisma na qual passaram anos trabalhando.

O texto, nomeado de Charisma in everyday life: Conceptualization and validation of the General Charisma Inventory, traz um teste que busca quantificar o carisma, transformando sua capacidade de conquistar as pessoas em um número concreto.

Confira abaixo:

Avalie-se em uma escala de um a cinco (onde cinco é alto) em relação a estas seis afirmações:

Eu sou alguém que…

  • …tem uma presença em uma sala
  • …tem a capacidade de influenciar as pessoas
  • …sabe como liderar um grupo
  • …faz as pessoas se sentirem confortáveis
  • …sorri para as pessoas com frequência
  • …pode se dar bem com qualquer um

Divida a pontuação total por seis para obter um valor de carisma. Qualquer coisa acima de 3,7 é considerada “superior à média”.

Esse pequeno cálculo pode te proporcionar duas coisas: onde você está e onde você precisa chegar. Alcançou menos de 3,7? Então você precisa aumentar seu score. Como? Vendo onde você falhou.

Como ser mais carismático?

O carisma é intangível e ser mais carismático pode ajudá-lo a ter sucesso na maioria das situações sociais, desde passar tempo com amigos até conversar com colegas de trabalho. 

Além disso, somos carismáticos se outras pessoas nos veem assim. Isso significa que você pode aumentar seu carisma mudando a forma como você se relaciona com outras pessoas.

Apresentaremos aqui dicas para aumentar seu carisma com base nos pontos levantados pela escala de Tskhay, Zhu, Zou e Rule. Se você sente que precisa ampliar sua pontuação em um dos tópicos apresentados, não pare de ler ainda!

Use uma linguagem corporal positiva

As pessoas carismáticas passam uma imagem positiva, mas não apenas por aquilo que dizem: eles também têm uma linguagem corporal confiante.

Para isso, você pode tentar sorrir mais, por exemplo, já sorrir mostra que você está aberto e feliz por estar perto das pessoas. Entretanto, isso precisa ser genuíno, sem que você finja ser alguém que você não é.

Pode parecer bobo, mas uma dica é praticar seu sorriso no espelho. Você pode pensar em algo que você acha engraçado e ver como seu sorriso se desenvolve – ainda que inicialmente não pareça natural, pratique e verá que, em pouco tempo, você e seu sorriso ficarão mais espontâneos.

Em conjunto com isso, você pode tentar fazer contato visual com as pessoas que fazem parte do seu dia a dia. Não estou falando de encarar – até porque isso pode ser bem assustador e mesmo parecer agressivo -, mas de, no mínimo, não desviar o olhar e dar atenção ao que o outro está falando, parecendo atento e atencioso.

Essas duas dicas, por si só, já deixam sua linguagem corporal mais positiva, aumentando sua presença onde quer que você esteja.

Seja um bom ouvinte

Como estamos notando, ter uma linguagem corporal mais aberta e positiva ajuda a aumentar nosso carisma. Ainda nesse ponto, muitas vezes a forma como usamos nosso corpo faz o outro entender que estamos desinteressados ou entediados com sua presença.

Para que isso não aconteça, use sua linguagem corporal para mostrar que você ouve

As pessoas carismáticas normalmente ouvem muito mais do que falam.

Não se trata apenas de quantidade, mas quando você está conversando com alguém carismático, você sente que é o foco de sua atenção, especialmente por sua postura e atenção depositada no que você diz.

Por isso, para ser mais carismático, use sua linguagem corporal para mostrar que está ouvindo, olhando para a outra pessoa e participando da conversa, ainda que não fale muito. 

Os movimentos da cabeça também são importantes. Acenar com a cabeça encoraja a outra pessoa a continuar falando e balançar a cabeça pode mostrar que você compartilha de suas emoções, ao passo que colocar a cabeça para o lado e franzir a testa ligeiramente pode mostrar confusão.

Uma técnica mais avançada para mostrar que você está ouvindo é espelhar um pouco de sua linguagem corporal. Se você está sentado conversando e eles cruzam as pernas, você pode fazer o mesmo. Usado com moderação, isso pode ajudar a construir uma relação de empatia, o que aumenta seu carisma.

Melhore sua postura

Essa pode até soar clichê, mas a verdade é que pessoas carismáticas tendem a ter uma boa postura, o que as faz parecer fortes e confiantes.

Boa postura significa ficar de pé, mantendo a cabeça erguida e os ombros para trás. Quando você começa a tentar melhorar sua postura, pode achar cansativo e até fisicamente desconfortável. Isso ocorre porque seu corpo se acostumou a ficar curvado, especialmente se você passa muito do seu dia trabalhando em um computador.

Existem tiras que você pode usar para melhorar sua postura. No entanto, eles não ajudam a construir os músculos que o ajudarão a adotar uma boa postura naturalmente, então não são uma boa solução a longo prazo. Em vez disso, tente definir um cronômetro para disparar a cada 30 minutos durante o dia de trabalho. Cada vez que você ouvir seu alarme, corrija sua postura. Eventualmente, isso vai parecer normal.

Outra dica é investir em um esporte que exercite seus músculos das costas e os fortaleça para as longas horas na frente das telas.

Faça os outros se sentirem especiais

Ter carisma não significa que você faz tudo sobre si mesmo, pelo contrário; geralmente significa o contrário. Assim, mostrar às pessoas que você gosta delas faz com que elas se sintam bem consigo mesmas e é mais provável que elas queiram passar um tempo com você e ouvir o que você tem a dizer.

Tente dar às pessoas elogios sinceros e evite elogiar a aparência deles para mostrar que você gosta deles como pessoa. Em vez de confiar que alguém saberá o que você gosta nele, seja explícito, não tenha medo de ser vulnerável e mostrar o quanto você se importa. Se essa pessoa o impressiona, o inspira e o diverte, diga isso.

Caso você não conheça bem a pessoa em questão e não se sente pronto para gastar elogios com ela, uma coisa simples de fazê-la se sentir especial é simplesmente lembrar seu nome. Pode não parecer grande coisa, mas pense em como você se sente se o oposto acontecer.

Se você achar isso difícil, tente usar o nome deles algumas vezes cada vez que os vir. Faça contato visual também para ajudar o nome deles a ficar em sua mente.

Se alguém tem um nome difícil de pronunciar, tente realmente acertar. Alguém com um nome incomum muitas vezes tem que corrigir as pessoas repetidamente. Peça desculpas e mostre que você reconhece a importância do nome deles dizendo: “Por favor, me corrija. Os nomes importam, então eu gostaria de acertar.”

Tenha cuidado para não ir longe demais usando nomes. Usar o nome de alguém quando você não precisa em uma conversa pode parecer forçado.

Seja humilde

Se você deseja desenvolver uma personalidade carismática, tente ser humilde. As pessoas carismáticas costumam ser surpreendentemente humildes, mas isso nunca compromete sua autoestima.

Humildade significa reconhecer o valor intrínseco de outras pessoas e ver os outros como nem mais nem menos importantes do que você; você reconhece as conquistas dos outros sem compará-las com as suas.

Se você tem muita autoestima, mas não tem humildade, pode facilmente parecer arrogante. Se você tem muita humildade, mas pouca autoestima, pode parecer inseguro. Conhecer seu próprio valor sem precisar provar definitivamente aumenta seu carisma.

Se comunique melhor

Pessoas carismáticas são ótimas comunicadoras. Eles ouvem com atenção e raramente ficam presos em conversa fiada. 

Uma ótica dica para aprimorar sua comunicação é ser curioso sem ser inconveniente.

Em vez de perguntar qual é o trabalho de alguém, por exemplo, tente perguntar o que essa pessoa ama em seu trabalho. Se ela disserem que não gostam de seu trabalho, você pode perguntar: “Se dinheiro não fosse problema, o que você faria?”

Trata-se de explorar os interesses e paixões das pessoas, o que mostra que você se importa com a resposta e não está apenas sendo educado.

Além disso, use o humor quando apropriado. Se você imagina ter muito carisma pessoal, provavelmente imaginará estar em uma sala cheia de pessoas rindo de um comentário espirituoso que acabou de fazer. Ser engraçado pode definitivamente aumentar seu carisma.

Se fazer piadas não é o seu forte, talvez rir das piadas de outras pessoas ou simplesmente fazer um comentário perspicaz pode ser mais carismático do que tentar ter uma personalidade que não combina com você.

O humor carismático inclui os outros e os atrai. Observar algo incomum ou absurdo sobre uma situação com a qual todos podem se identificar é engraçado e inclusivo. 

Outro ponto importante é que pessoas altamente carismáticas geralmente dominam o humor autodepreciativo, mas isso pode sair pela culatra se você não tiver a confiança profunda para levá-lo adiante. Geralmente é melhor evitar a autodepreciação enquanto você pratica o aumento de seu carisma.

Gostou do texto? Quer conversar com a gente sobre? Então não deixe de me contatar nas redes sociais, nem de compartilhar esse texto para que mais pessoas desenvolvam essas qualidades.

Junte-se

Cadastre-se em nossa newsletter que já impactou +5000 profissionais que queriam melhorar em sua carreira